[PÚBLICO A SAÚDE] Por que devemos fazer um check-up? Especialista explica importância do procedimento para a saúde e prevenção de doenças

Compartilhe Essa notícia

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Com a pandemia de Covid-19, os exames rotineiros de monitoramento da saúde acabaram em segundo plano. No entanto, são eles os essenciais para diagnosticar e prevenir possíveis doenças. Seguindo essa temática, indagamos: o seu check-up está em dia?

Segundo o médico Marco Foltran, o check-up é “uma oportunidade hoje para garantir a nossa saúde amanhã”.

“Os exames de check up são aqueles exames importantes no rastreamento de doenças na fase inicial ou em situações que ainda não são doenças, mas podem vir a ser no futuro. O melhor programa de check up não se baseia na grande quantidade de exames, mas sim naqueles que são os mais indicados dependendo da idade, gênero e fatores de risco de cada um”, coloca o especialista, acrescentando que os exames devem ser realizados anualmente.

Dentre os testes, o profissional destaca que os exames laboratoriais, além dos exames de imagem, radiografias e exames de ultrassom são os mais comuns, somados aos exames cardiológicos funcionais.

No entanto, o médico reforça que o princípio geral do check up é detectar as situações que exigem mudança na rotina da vida para evitar doenças. “O momento para agendar o seu check up não é quando começam os sintomas. É antes. Muitas doenças se iniciam antes dos sintomas aparecerem. Podemos citar as mais prevalentes, como a hipertensão, diabetes, distúrbios da tireoide, câncer, além da depressão, ansiedade e síndrome de burnout. Todas estas situações podem e devem ser identificadas o mais rapidamente possível para que estejamos saudáveis”, pontua.

Foto: divulgação

Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.