Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Grandes ovos são instalados na Praia de Iracema por artista holandês na Virada Sustentável

Compartilhe Essa notícia

Obra Eggcident está instalada Praia de Iracema, atrás do Estoril, até domingo, dia 24  

Uma programação intensa e gratuita destacando a sustentabilidade em nossas relações de consumo e nossos modos de vida promete movimentar Fortaleza a partir desta quarta-feira (20) até domingo (24). É a Virada Sustentável que traz à cidade a instalação Eggcident, do artista holandês Henk Hofstra. Ele realiza projetos de arte em locais públicos em todo o mundo. Muitas vezes controverso e alienante, às vezes cativante. Os projetos de Hofstra geralmente são uma resposta a uma situação social ou uma reação ao que está acontecendo ao nosso redor.

 

Com o debate sobre aquecimento global, o holandês criou a instalação artística Eggcident que traz ovos gigantes estalados e prontos para serem fritos. Na instalação montada em Fortaleza, atrás do Estoril na Praia de Iracema, a ideia é refletir sobre o começo da vida, que quase sempre ocorre com um ovo. Eggcident convida a pensar sobre o respeito pela vida, pois, do contrário, o mundo terminará como um grande ovo quebrado e frito.

Virada Sustentável é o maior festival sobre sustentabilidade no Brasil, que vai promover uma série de atividades gratuitas em diversos espaços da cidade. A abertura oficial será realizada nesta quarta-feira (20), a partir das 17h30, no Cineteatro São Luiz, com apresentações do Maracatu Solar, da escola de dança Edisca e da cantora Xenia França, uma das revelações da música brasileira atual. Ao longo de quatro dias de programação, a Virada Sustentável de Fortaleza ocupará espaços como Cineteatro São Luiz, Parque Estadual do Cocó, Centro Cultural BelchiorCentro Dragão do Mar de Arte e CulturaCentro Cultural do Bom Jardim, Rede CucaParque ParreãoTeatro São JoséFloresta do Curió e Instituto dos Cegos.

Água, Negócios de Impacto, Educação e Liderança

Na quinta (21) e sexta (22), entre outras atividades, uma vasta programação de conteúdo será desenvolvida tendo como palco principal o Cineteatro São Luiz. Na quinta (21), das 8h às 16h40, será realizado o Encontro Virada Sustentável, com painéis trazendo os seguintes temas: “Sustentabilidade Legal” e “Água e Saneamento no Semiárido” (manhã); “Negócios de Impacto Ambiental” e “Jovens Lideranças pela Sustentabilidade” (tarde). E na sexta (22) à tarde, a partir das 14h, será a vez do Seminário Educação Ambiental, com uma palestra sobre Ecoalfabetização, um painel sobre Sustentabilidade nas Escolas, e também a realização do projeto Cine Escola.

 

O que é e como surgiu a Virada Sustentável

Movimento de mobilização para a sustentabilidade que organiza o maior festival sobre o tema no Brasil. Começou em 2011 em São Paulo e já realizou edições nas cidades do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Salvador e Manaus, entre outras. O evento, que reúne milhares de pessoas, oferece programação repleta de shows, exposições, instalações, palestras, aulas de meditação, entre outras atividades, abertas ao público e gratuitas. Toda a programação é atualmente pautada nos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela Organização das Nações Unidas.

O festival conta com articulação e participação direta de organizações da sociedade civil, órgãos públicos, coletivos de cultura, movimentos sociais, equipamentos culturais, empresas, escolas e universidades, entre outros, visando promover uma visão positiva e inspiradora sobre a sustentabilidade, bem como reforçar as redes de transformação e impacto social presentes em cada cidade. Na edição de Fortaleza, a Virada Sustentável é realizada pela Secretaria Especial de Cultura, pelo Ministério da Cidadania, em parceria com o Grupo O POVO de Comunicação. O evento conta ainda com o apoio das Empresas CMPC e Ambev/Ama.

Serviço

Virada Sustentável de Fortaleza

De 20 a 24 de novembro de 2019

Programação gratuita disponível no site https://www.viradasustentavel.org.br/

As inscrições para a abertura podem ser feitas no site https://lnkd.in/eDH-haq

Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.