[PÚBLICO A DESTAQUE] Grupo Viper projeta crescimento de 30% na demanda de serviços de vigilância por shoppings em 2021

Compartilhe Essa notícia

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Expectativa é de que as contratações do setor avancem ainda mais no final do ano

Com a liberação das atividades comerciais, os shoppings centers vêm puxando a demanda por serviços de segurança privada no setor corporativo. Para 2021, o Grupo Viper, especializado em terceirização de mão de obra, segurança armada e desarmada, projeta um crescimento de 30% na contratação de vigilantes, ante 2020. E, com o avanço da vacinação, a expectativa é de que essa tendência permaneça nos próximos meses.

“O setor de shoppings alavanca o crescimento de segurança privada pela necessidade de bem estar, sensação que o público espera nesses espaços”, diz José Lopes, gerente operacional do Grupo Viper. “Com o retorno das atividades, as ocorrências crescem na mesma velocidade, então há uma necessidade de maior cuidado preventivo e ostensivo visando a preservação do patrimônio, pessoas e imagem dos empreendimentos”.

Durante os períodos de maiores restrições, os centros comerciais mantiveram apenas o efetivo necessário para a segurança física das instalações. Agora, com a elevação do fluxo de pessoas e veículos, os shoppings demandam a presença de profissionais de segurança nas áreas comuns, vias de acesso, praças de alimentação, estacionamentos e cinemas.

Para o período de final de ano, caracterizado pelo aumento das vendas e elevação da circulação de numerário, José Lopes diz que a expectativa é de mais contratações de profissionais de segurança privada. “No final de 2021 teremos boa parte da população vacinada, o que sugere uma maior segurança não apenas para as pessoas irem às compras, mas também para as atividades culturais, provocando uma maior procura por serviços de segurança”, ele diz.

Com 25 anos de atuação no mercado, a Viper Serviços conquistou a certificação ISO 9001, diante da qualidade de seus processos.

Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.