Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

[PUBLICOA DESTAQUE] Meio Ambiente: Fortaleza desponta internacionalmente pelas ações na área; acesse aqui e saiba mais

Compartilhe Essa notícia

Nos últimos quatro anos, Fortaleza tem se destacado dentro e fora do Brasil pelas suas ações voltadas para o meio ambiente e a sustentabilidade. Em maio, a Capital recebeu o título de 2° lugar mundial de melhores cidades na categoria Meio Ambiente, pelo índice da Oxford Economics. O instituto avaliou o compromisso da cidade com a sustentabilidade ambiental e a sua predisposição aos riscos provocados pelas alterações climáticas.

As iniciativas adotadas pela Prefeitura de Fortaleza têm posicionado a Capital como exemplo a ser seguido. Atualmente, a cidade também é a única do Brasil a ter uma boa qualidade do ar, segundo diretrizes da OMS, além de ser a 1ª cidade do Nordeste e a 3ª do Brasil que mais investe em áreas verdes, de acordo com o Tree Cities of the World 2023.

Projetos como os Microparques urbanos são exemplos de espaços que estão sendo requalificados, ampliando as áreas verdes e contribuindo com o desenvolvimento sustentável. A iniciativa, também reconhecida pelo Prêmio AIPH World Green City Awards, em 1º lugar na categoria Living Green for Health and Wellbeing, em 2022, transforma terrenos degradados em pequenas florestas urbanas que estimulam o brincar e o convívio social. Neste Dia Mundial do Meio Ambiente (05/06), os sete Microparques já construídos recebem ações de conscientização sobre o tema.

O Plano Municipal de Caminhabilidade também é outra iniciativa de destaque. Por meio dele, a gestão municipal orienta as ações que visam transformar a cidade em um lugar seguro e convidativo para o pedestre, colaborando de forma direta para a redução de gás carbônico na atmosfera.

Pelo Plano, Fortaleza está finalista no Prêmio Parque da Mobilidade Urbana, realizado pelo Instituto de Caminhabilidade. A previsão é que o resultado seja divulgado no dia 13 de junho, em São Paulo.

Para a secretária da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), Luciana Lobo, os prêmios são resultados do que vem sendo executado pela gestão. “Temos trabalhado nos últimos anos com foco no meio ambiente e na sustentabilidade, atuando em diálogo com a sociedade e para ampliar a consciência ambiental. O cuidado da cidade é uma responsabilidade compartilhada entre o município e a população, e o nosso objetivo é sempre aumentar a conexão entre os cidadãos e o meio ambiente”, destaca.

Ações

Entre as ações executadas pela Prefeitura de Fortaleza no âmbito do Meio Ambiente também pode ser destacado o Plano de Arborização que, de janeiro ao início de junho de 2024, plantou 41.300 mudas. O ano de 2023 encerrou com aproximadamente 82 mil unidades plantadas. O plantio de árvores e de outras plantas traz uma série de benefícios, incluindo a melhoria da qualidade do ar, o equilíbrio do microclima urbano, a conservação do solo e a promoção da biodiversidade. Desde 2021, mais de 230 mil mudas foram plantadas e distribuídas., por meio de projetos como o Árvore na Minha Calçada, Sementinha e o Uma Criança, Uma Árvore; além das ações de plantio pela Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (Urbfor) e de árvores grandes pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf).

Outra iniciativa para monitorar a qualidade do ar é a instalação de 30 monitores de baixo custo em parceria com a Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova) e a Universidade Federal do Ceará (UFC). Esses equipamentos monitoram a qualidade do ar em diversos bairros, coletando dados sobre tipos de poluentes e parâmetros climáticos como temperatura, umidade e pressão.

O governo municipal está trabalhando para aproximar a população da natureza, construindo e requalificando áreas verdes. Até agora, sete Microparques foram entregues e outros cinco estão em construção, com a previsão de que Fortaleza tenha 30 microparques urbanos até o final do ano.

Há também obras de requalificação de parques e lagoas, como o Rachel de Queiroz, com os trechos 1, 2, 5 e 6 já concluídos e os trechos 3 e 4 em andamento. Estão ainda em execução obras na Lagoa do Opaia, Parque Passaré, Parque Rio Branco e Lagoa do Urubu.

A gestão de resíduos sólidos é uma preocupação da Prefeitura de Fortaleza. Recentemente, foi lançado o Movimento Fortaleza Limpa, para engajar a sociedade na missão de transformar a Capital em uma cidade cada vez mais sustentável e agradável de viver. Pelo Movimento, estão sendo ampliados projetos como o Re-ciclo, que foi um dos cinco finalistas no Prêmio WRI Ross Center for Cities, concorrendo com 148 cidades de 62 países, Recicla Mais, Ecopontos, Centrais de Recondicionamento Tecnológico, entre outros que atuam na conscientização e proporcionam opções para a população descartar de maneira correta o seu resíduo.

Existe ainda o projeto Se Liga Na Rede, que interligou 2.500 imóveis à rede de esgoto de Fortaleza, beneficiando moradores dos bairros que compõem o Grande Pirambu, evitando que o esgoto chegue à rede de drenagem de águas da chuva, poluindo os recursos hídricos da cidade.

Conheça os prêmios e reconhecimentos de Fortaleza no âmbito do meio ambiente

Foto: Daniel Calvet/PMF

Picture of Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.