[PÚBLICOA EVENTOS] Projeto Costurando o Futuro chega ao Conjunto Ceará

Compartilhe Essa notícia

A Prefeitura de Fortaleza entregou, nesta quinta-feira (04/08), o novo ateliê colaborativo do Costurando o Futuro, localizado no Centro de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH) do Conjunto Ceará. Este é o oitavo equipamento do projeto, que disponibiliza máquinas de costura para promover a inclusão produtiva, economia criativa e o desenvolvimento econômico. A iniciativa é realizada por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE).O prefeito Sarto celebrou a inauguração do novo espaço do Costurando o Futuro, apontou que a Prefeitura de Fortaleza irá ampliar os espaços compartilhados de costura e destacou que os participantes do projeto podem também integrar outras ações da SDE.“Este é o oitavo espaço, e nosso objetivo é instalar 22 equipamentos desse tipo em Fortaleza, 15 somente este ano. É um espaço compartilhado, participativo e gratuito de convivência. Aqui no Conjunto Ceará tem muitas costureiras, que precisam apenas de uma mãozinha e de uma máquina para começar. Quem entra aqui pode, inclusive, ingressar em outros projetos da Prefeitura como o Fortaleza Capacita, o Fortaleza + Futuro e o Nossas Guerreiras”, comentou o Prefeito.O ateliê disponibiliza máquinas profissionais do tipo: reta, overloque, galoneira, bordado e máquina de corte. Em Fortaleza, os equipamentos estão localizados no Centro de Referência do Bom Jardim, no Vila União, na Pracinha da Cultura do Ancuri, no Cuca Jangurussu, Pracinha do Vila Velha, no Cristo Redentor e no Cuca José Walter.

Meiriluce de Oliveira já costura há 20 anos e, quando soube da inauguração da nova sala do Costurando o Futuro, veio prestigiar e trazer amigas para conhecer o espaço. “Eu já tenho um ateliê, mas acho incrível este espaço. Às vezes a costureira precisa pagar caro para usar equipamentos ou fica sem trabalho. E aqui também é um espaço de convivência. Eu posso ensinar minhas amigas e ajudar elas a tirarem um dinheiro a mais no mês”.Rodrigo Nogueira, secretário de desenvolvimento social, informou que as participantes do Costurando o Futuro, assim como pessoas de outros projetos da SDE, possuem apoio da pasta e um espaço dedicado na nova Beira-Mar para a venda de seus produtos.“Este é um programa que a gente tem investido muito e que transforma a vida das participantes rapidamente. Além disso, nós disponibilizamos um box na nova feirinha da Beira-Mar para que elas possam expor e vender suas produções. De acordo com um revezamento, elas estão lá vendendo e muito satisfeitas, afinal, a feirinha está maravilhosa”, relatou o titular da SDE.

Ilário Marques, titular da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDHDS), também comemorou a inauguração do novo espaço do Costurando o Futuro e ressaltou a importância da integração entre as pastas da gestão municipal para oferecer uma acolhimento cada vez melhor à população.“Este é um programa de ocupação e renda, tendo tudo a ver com o trabalho da SDHDS no sentido da proteção social. Mas não adianta fazer o cuidado, é preciso apenas abrir janelas para a superação da vulnerabilidade. É aqui que entra nosso papel, onde os CRAs, CREAs e CCDHs encaminham pessoas para os projetos da SDE”.

Serviço

Entrega do ateliê do Projeto Costurando o Futuro – Conjunto CearáData: Segunda à sexta-feira, das 8h às 17hLocal: Av. Alanis Maria Laurindo de Oliveira, 461 – Conj. Ceará IAgendamento: WhatsApp: (85) 9.8739-3052 (não recebe ligações)

Foto: PMF

Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.