Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

[PUBLICOA GOURMET] Tendências da páscoa com os tradicionais chocolates e vinhos

Compartilhe Essa notícia

Dos ovos de chocolate aos pratos tradicionais, a data é um convite a desfrutar iguarias

Na época da Páscoa, os sabores e aromas ganham um significado especial. É um período de celebração, marcado por tradições que vão além do aspecto religioso, abraçando também a gastronomia e as delícias que a temporada traz consigo. Este mercado de produtos apresenta crescimento ano a ano. Em 2023, o número de itens disponíveis aumentou em 53% comparado ao ano anterior, pulando de 2.506 para 3.829 produtos. Esse aumento não aconteceu só nas lojas físicas, mas também no comércio online de pequenas e médias empresas em todo o país, que teve um crescimento de 49% nas vendas de produtos relacionados à Páscoa.

O protagonista da gastronomia neste período é o chocolate e se ergue majestoso como o soberano indiscutível dos sabores. A data é marcada pela celebração e renovação, onde os corações se aquecem com a promessa da primavera e a ressurreição da esperança. Entre rituais ancestrais e tradições familiares, o chocolate emerge como figura de destaque, tecendo laços de doçura e deleite em cada pedaço.

Desde os tempos antigos, o chocolate tem sido reverenciado como um presente dos deuses, uma fonte de energia e conforto. Na Páscoa, ele assume um papel ainda mais especial, representando não apenas a doçura do momento, mas também a união familiar, a partilha e a alegria da temporada. Formando par com essa iguaria, outro item predominante na Páscoa é o vinho.

Nesse universo, a Confraria Corisco oferece uma abordagem inovadora para a harmonização de sabores, explorando a união entre o chocolate e o vinho, uma combinação que eleva a experiência gastronômica a novos patamares. A empresa faz uma criteriosa seleção de vinhos produzidos nas margens baiana e pernambucana do Rio São Francisco e nos altos da Chapada Diamantina.

Nessas regiões do Nordeste, além dos vinhos de maior volume, há rótulos mais raros e exclusivos, alguns produzidos a partir de vinhedos únicos, que têm despertado a curiosidade de enófilos e amantes da boa gastronomia. A Confraria Corisco permite a comodidade de escolher virtualmente e receber em casa alguns desses exemplares nordestinos.

Desde tintos encorpados até brancos refrescantes, cada rótulo é selecionado para realçar e enriquecer os sabores dos chocolates, criando uma sinfonia de aromas e paladares.

“Na Confraria Corisco, esse poder é exaltado e celebrado. Com o cacau Catongo, a complexidade do Trinitário e a exótica nota do Forasteiro Amazônico, cada pedaço de chocolate é uma obra-prima, um tributo à arte da confeitaria e à riqueza da natureza. E quando combinados com vinhos cuidadosamente selecionados, essa experiência se eleva a novos patamares de prazer e satisfação”, sugere Rafael Maia, CEO da empresa.

Foto: divulgação

Picture of Rodrigo Kawasaki

Rodrigo Kawasaki

Editor-chefe da Público A.